Como criar webinars que vendem

por Rafael Damasceno

*Artigo escrito pelos amigos da VidMonsters

Seminários, palestras e convenções são excelentes formas de criar autoridade para uma empresa, atraindo a atenção do público.

Com a transformação digital e a popularização da internet, e com ele a expansão das ferramentas e dispositivos online, ficou ainda mais fácil fazer essas transmissões, estreitando o relacionamento com os expectadores.

Neste material você irá aprender como fazer chamadas ao vivo ou webinars que vendem e aumentam o prestígio da sua marca. Vamos começar?

Benefícios de realizar webinars

O número de empresas que utilizam webinars nas suas estratégias de marketing digital aumenta consideravelmente. Não a toa, ele é mencionado por 73% dos empresários B2B para gerar mais conversões através de leads e engajar o público.

Abaixo você confere as principais vantagens de usar webinars no seu no seu negócio:

1. Audiência engajada

O público consumidor se fideliza muito mais ao assistir uma chamada ao vivo de uma marca, ao invés de acompanhar um post institucional da empresa.

Por se tratar de um vídeo, os webinars chamam mais atenção pois possuem um formato interativo que engaja as pessoas. É possível enviar perguntas durante a transmissão, que são respondidas em tempo real.

Essa técnica só tem a diminuir a distância entre conteúdo e audiência. Mais confiantes, os expectadores ficam mais predispostos a clicar em um link oferecido e partir para o próximo passo na jornada de compras.

2. Mais tráfego qualificado

Webinars são excelentes para chamar a atenção de novos olhares para os canais da sua empresa, subindo também o número de leads qualificados na lista de emails.

Além disso, esse formato de conteúdo também ajuda a aumentar o número de fãs do seu negócio nas redes sociais, sem contar o número de vendas de produtos/serviços que nem foram anunciados na apresentação.

3. Autoridade de mercado para sua marca

Quem sabe faz ao vivo. Ou seja, realizar uma transmissão em tempo real aumenta autoridade do seu negócio perante ao público.

Como essas apresentações não possuem cortes ou edições como nos vídeos gravados, a audiência poderá ver que a sua empresa tem domínio sobre o conteúdo apresentado do início ao fim.

Dessa maneira, você pode se tornar um referência de mercado, ao demonstrar ao público que tem autoridade no assunto transmitido.

4. Geração de leads

Se o conteúdo apresentado no seu webinário tem relevância e é atrativo, fica mais fácil atrair outros públicos para acompanhar a sua transmissão. Todos os inscritos para assistir o seu vídeo são leads automáticos.

Assim, a oportunidade de você conseguir transformar a sua lista de emails em futuros consumidores é muito maior.

5. Geração de vendas

Webinars sabem acelerar o processo de compra de um produto como ninguém.

Se uma apresentação ao vivo oferece confiança e profundidade em relação ao tema a ser apresentado, os expectadores ficam mais seguros, tomando decisões mais rápidas em relação a compra.

Fazer um seminário online é uma ótima maneira de descobrir em que estágio do funil de vendas cada lead se encontra a partir da interação com audiência durante o evento.

Essa estratégia permite conhecer mais os seguidores do seu negócio, possibilitando que os próximos conteúdos sejam ainda mais direcionados.

Passo a passo para criar webinars que vendem

Agora que você já compreendeu os benefícios de se investir em transmissões ao vivo, chegou a hora de acompanhar as melhores dicas para criar um webinário infalível em todos os sentidos! Confira:

1. Estabeleça um tema de valor para seu mercado

Depois de afinar os objetivos do seu webinário, é necessário escolher um tema relevante para a sua apresentação. Escolher o assunto ajuda a definir e planejar com mais clareza o roteiro de execução desse conteúdo.

Pesquise as principais dúvidas do seu público em relação ao tema que vai ser tratado no vídeo. Analise também as publicações que mais bombaram na página da sua empresa e avalie se esses conteúdos podem ser facilmente transformados em um seminário online.

Outro passo importante é averiguar as palavras-chaves mais buscadas pelos os usuários que transitam pela sua plataforma. É possível identificar as dúvidas do público só de perceber o que eles tem procurado nas barras de pesquisa. Fique atento!

Mesmo que sua marca seja expert no tema escolhido para apresentação, é sempre bom atualizar os estudos e acompanhar as novas tendências de mercado que surgem em relação ao assunto.

Procurar saber outros pontos de vista é essencial para aumentar a sua gama de referências e entregar um seminário muito mais completo.

Não deixe de usar ferramentas de pesquisa globais como o Google e o YouTube, e visitar sites estrangeiros que são referências nesse assunto. Pensar ideias inovadoras para o seu webinário surge daí.

2. Busque um especialista no tema para apresentar

Definida a temática, você terá uma noção maior de quem são as principais referências no assunto a ser apresentado ao vivo.

Escolhe não só alguém que tenha o total domínio do conteúdo, mas que consiga apresentá-lo ao público com clareza e profundidade.

É importante não perder de vista que a interação com o público é umas das principais características do webinar. Por isso, o convidado deve estar suficientemente apto para responder todas as dúvidas que forem surgindo durante o evento.

3. Uma boa campanha de divulgação é fundamental

É preciso criar uma boa estratégia de divulgação para que o seu webinário não fique esvaziado no dia da transmissão.

Para tal, é preciso contar com alguns canais que contribuem para que a campanha do seu seminário online tenha um retorno esperado.

a) Email marketing

O email marketing ainda é uma ferramenta bastante utilizada por empresas para divulgar eventos e anunciar algum comunicado à clientes e colaboradores. Por isso, tem grande potencial para ser usado como meio de divulgação do seu webinário

Use a sua lista de email e faça disparos em tempos determinados. Obviamente, esse conteúdo deverá contar com os dados da transmissão e o link para a inscrição no evento.

Só tenha os devidos cuidados para que o seu email marketing não seja interpretado como SPAM pelo público.

Planeje-se com antecedência e envie ao público emails uma ou duas semanas antes da transmissão para aguçar o interesse dos seus convidados.

No dia da apresentação online, não se esqueça de encaminhar uma nota informativa horas antes do evento começar

b) Redes sociais

A persona da sua marca provavelmente deve utilizar as principais redes sociais do momento, como Facebook, Twitter e Instagram.

Por isso, não deixe de agendar algumas publicações nesses canais para divulgar o seu webinário.

Elabore um layout atraente, quando for o caso, e trabalhe com informações objetivas e atraentes, disponibilizando o acesso à página do evento.

Se a sua empresa contar com recursos disponíveis, essa publicação pode ser impulsionada, alcançando ainda mais pessoas para o seu webinário.

c) Site da marca

A sua plataforma também é um ótimo meio de divulgação!

Elabore banners e anúncios para serem exibidos no site da marca, atraindo os olhares de quem abrir o site da sua empresa. Mas não esqueça do principal: link para se cadastrar no evento.

d) Parcerias

É importante pedir aos especialistas convidados que divulguem a transmissão online no seus canais pessoais. Assim, é possível chamar a atenção de outros seguidores que ainda não conhece o que a sua marca tem a oferecer.

4. Não abra mão de um roteiro

Independente do seu nível de conhecimento do assunto a ser tratado, não abra mão de produzir um roteiro para o seu webinar.

Essa ferramenta é imprescindível para organizar e conduzir a apresentação, evitando falhas técnicas e outros equívocos.

Crie um script em descrevendo as principais ideias e organize-as em tópicos que serão comentados no evento.

É comum separar esse tipo de roteiro em etapas, como por exemplo:

  • Introdução do assunto de forma breve;
  • Desenvolvimento do conteúdo;
  • Interação com o público (perguntas e respotas, etc);
  • Conclusão do evento, inserindo um CTA (Call to Action).

5. Escolha uma plataforma segura para transmitir

O sucesso do seu webinar também depende de uma plataforma confiável para transmitir o seu seminário online.

A internet oferece uma gama de ferramentas, gratuitas ou pagas, que você pode optar levando em conta as especificidades da sua marca.

As principais opções são:

  • Google Hangouts. É a página do Google criada para a exibição de chamadas em grupo, que também pode ser utilizada na transmissão do seu webinar em ótimas condições.
  • Facebook. Uma das redes sociais de maior acesso mundial pode ser o suporte de transmissão ao vivo do seu negócio. Você pode realizar a sua live e acompanhar a reação dos expectadores, a partir dos ícones de interação, além de ter acesso ás métricas de desempenho.  
  • Instagram. Essa rede permite chamadas ao vivo a partir de recursos presentes no Instagram Stories. A sua transmissão é bem simples e pode ser salva e disponibilizada aos seguidores no final da apresentação.  
  • YouTube. Estamos falando aqui da maior plataforma videográfica mundial. Portanto, é possível realizar webinars que vendem em diferentes formatos. O YouTube disponibiliza recursos mais avançados para a transmissão, como produções com tempo determinado, mecanismos de agendamento, acesso à desempenhos, inserção de link interno para outra URL, dentre outras opções.

6. Não deixe de incluir CTAs ao longo da transmissão

Um dos objetivos fundamentais do webinar é acelerar a jornada de compras do público dentro do funil. Por isso, nada mais estratégico contar com recursos durante a sua transmissão ao vivo, direcionando a audiência cada vez mais próximo da compra do produto.

Para isso conte com os gatilhos de conversão ou CTA (Call to Action). Você pode programar a inserção de um CTA dentro do seu seminário online de diferentes formas, como:

  • Links para uma landing page ou algum material rico;
  • Formulários;
  • Ação e cupons promocionais.

Através desse recurso é possível aumentar o número de vendas do seu produto antes mesmo de terminar a transmissão ao vivo. Isso porque você pode oferecer condições facilitadas para uma determinada quantidade de pessoas que acessar o e-commerce da sua empresa, ou apresentar um material para dowloand para complementar o conteúdo apresentado.

Já está provado que o webinar é garantia de mais engajamento, conversão e público-consumidor para a realidade das empresas. Agora que você compreendeu um pouco mais sobre essa ferramenta, coloque essas ideias na prática e veja o seu negócio fazer a diferença no mercado.Conteúdo desenvolvido pela VidMonsters.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *